quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Artigo: O Músico e o Ego

por *João Chaim

Hoje, por trás do horizonte das cordas do meu violão, passo de 1/2 século de reflexões. Não parece!, dizem. Poxa, mas como pode? E vivendo na noite? Qual o segredo? Então eu digo: Música, uma boa dose diária de Música. Ela faz com que o Espírito da gente pemaneça jovem e isso reflete principalmente nos Olhos.

Já perceberam como todo músico tem olhos de menino? É como diz a Música "há um menino, há um moleque, morando sempre no meu coração". A Música pode ser ingerida diariamente, em fartas doses, que não faz mal algum. Porém, ela tem um e apenas um efeito colateral: infla o ego.

A classe musical, ao menos desta cidade, nunca conseguiu se unir, por causa deste efeito. Vários movimentos foram destruídos por causa dele. Então, hoje, após 1/2 século, vou me dar o direito de dizer a todos os músicos: não cometam esse erro! Não deixem que a Vaidade tome conta de suas cabeças.

Se você é melhor do que aquele que está ao seu lado, ensine, encorage, ajude-o a melhorar, sem medo de que ele o ultrapasse. Se Você é pior, seja humilde, respeite, peça ajuda e, se ficar melhor do que ele, não esqueça quem lhe ensinou.

Tem muita "panela"? Tem! Tem muito Star? Tem! Mas quando dou de topa com isso, trato com educação e faço de conta que não percebo. Mais do que um grande Músico, eu descobri que quero mesmo é ser uma grande Pessoa. Um abraço a todos.

*João Chaim Neto é músico

Um comentário:

  1. Gostei demais do seu texto e compartilho de sua opinião.

    Sou músico também.

    ResponderExcluir